Quiropraxia é Perigoso? Quem Não Pode Fazer?

Preocupado com os potenciais riscos da quiropraxia? É natural ter dúvidas sobre a segurança deste tratamento. 

Portanto, entender quem não deve fazer quiropraxia é crucial para uma decisão sobre o tratamento ideal.

Embora a quiropraxia seja geralmente segura, existem algumas condições médicas e circunstâncias específicas em que pode não ser recomendada. É bom discutir seu histórico de saúde e preocupações com um quiropraxista qualificado antes de iniciar o tratamento.

Quiropraxia é perigoso?

Quiropraxia é perigoso?
Quiropraxia é Perigoso? Quem Não Pode Fazer?

A quiropraxia é uma prática reconhecida pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como legítima, desde que realizada por profissionais capacitados. Portanto, a quiropraxia, como qualquer outra intervenção médica, tem alguns riscos e complicações que devem ser considerados.

A Associação Brasileira de Quiropraxia (ABQ) destaca que a quiropraxia é segura quando realizada por profissionais qualificados e experientes. Portanto, a prática pode apresentar riscos, principalmente em pacientes com histórico de lesões na coluna vertebral, osteoporose, artéria calcificada ou com câncer.

Um dos riscos mais comuns associados à quiropraxia é o risco elevado de acidente vascular cerebral (AVC). Segundo um estudo publicado no Journal of Manipulative and Physiological Therapeutics, a manipulação cervical pode aumentar o risco de AVC em pacientes com menos de 45 anos.

Por isso, é bom que o paciente informe ao quiropraxista sobre qualquer condição médica pré-existente antes de iniciar o tratamento. O profissional deve avaliar cuidadosamente cada caso e decidir se a quiropraxia é apropriada para o paciente em questão.

Quem não pode fazer quiropraxia?

A quiropraxia, uma prática terapêutica focada na manipulação da coluna vertebral e de outras partes do corpo, pode não ser adequada para algumas pessoas devido a certas condições médicas.

Indivíduos com osteoporose severa, doenças ósseas inflamatórias como a artrite reumatoide ou anormalidades estruturais na coluna vertebral podem estar em risco de complicações ao receber tratamento quiroprático. Essas condições fragilizam os ossos e articulações, aumentando o risco de fraturas ou lesões durante as manipulações.

Veja mais:  Ombro Mais Alto Que o Outro: Causas, Sintomas e Tratamento

Pessoas com problemas cardiovasculares, como aneurismas ou aterosclerose grave, também devem evitar a quiropraxia. As técnicas de manipulação podem causar um aumento temporário da pressão arterial e outros efeitos que podem ser perigosos para indivíduos com essas condições.

Decorrente ao enfraquecimento dos ossos, pessoas com histórico de câncer com metástases ósseas também devem evitar a quiropraxia. A manipulação pode causar danos adicionais aos ossos já enfraquecidos pelo câncer.

Em todos esses casos, é fundamental que os pacientes discutam suas condições de saúde com um profissional médico antes de considerar a quiropraxia como opção de tratamento, garantindo que esta abordagem seja segura e apropriada para suas necessidades específicas.

Os “estalos” utilizados na quiropraxia são perigosos?

Os “estalos” ou “crepitações” que algumas pessoas experimentam durante um ajuste quiroprático são geralmente causados pela liberação de gases nas articulações. Esses sons podem ser assustadores para algumas pessoas, mas não há evidências de que sejam perigosos ou prejudiciais à saúde.

Na verdade, a manipulação das articulações pode ser benéfica para as articulações e os músculos. A quiropraxia é uma técnica não invasiva que pode ajudar na recuperação de lesões, melhorar a postura e reduzir a dor muscular e articular. Além de que, a quiropraxia pode ajudar a relaxar o corpo e reduzir o estresse muscular.

As manipulações quiropráticas são realizadas por profissionais treinados e qualificados que têm uma compreensão profunda do sistema nervoso e das articulações do corpo humano. Eles usam técnicas específicas para alinhar a coluna vertebral e as articulações, melhorando a função geral do corpo.

Veja também: Atendimento de Quiropraxia em Fortaleza-CE

Existem riscos na Quiropraxia?

A Quiropraxia é uma terapia que utiliza manipulações manuais para ajustar a coluna vertebral e outras articulações do corpo, com o objetivo de melhorar a postura, aliviar dores musculares e melhorar o funcionamento do sistema nervoso. Embora seja considerada segura para a maioria das pessoas, existem alguns riscos associados a essa técnica.

Veja mais:  Quem Pode Fazer Quiropraxia e Quais Benefícios?

Um dos principais riscos da Quiropraxia é a possibilidade de lesões na coluna vertebral, que podem ocorrer se o quiropraxista não tiver habilidade ou experiência suficiente para realizar as manipulações corretamente.

Algumas pessoas podem experimentar dor ou desconforto após uma sessão de Quiropraxia, especialmente se estiverem em recuperação de uma lesão ou cirurgia. Embora esses sintomas geralmente desaparecem em alguns dias, eles podem ser um sinal de que a manipulação foi excessiva ou inadequada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
×